ACONTECIMENTOS DO DIA BLOG Cidades DIA HOJE

Teresina (PI) • Aniversário • 16 de Agosto de 1852

Teresina é a capital e o município mais populoso do estado brasileiro do Piauí. Possui uma população estimada em 868 075 habitantes, sendo que a Grande Teresina, aglomera cerca de 1.194.911 habitantes. Teresina é a 21ª maior cidade do Brasil e a 17ª maior capital de estado, sendo a 7ª capital mais populosa e mais rica do Nordeste.

Teresina – PI

16 de Agosto de 1852

teresina.pi.gov.br

Teresina é a capital e o município mais populoso do estado brasileiro do Piauí.

Possui uma população estimada em 868 075 habitantes, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 2020.

Localiza-se no Centro- Norte Piauiense a 343 km do litoral, sendo, portanto, a única capital da Região Nordeste que não se localiza às margens do Oceano Atlântico[9].

Está conurbada com a cidade maranhense de Timon, formando, assim, a Região Integrada de Desenvolvimento da Grande Teresina, que aglomera cerca de 1.194.911 habitantes, sendo a segunda RIDE mais populosa de todo o Brasil, atrás apenas de Brasília.

Teresina é a 21ª maior cidade do Brasil e a 17ª maior capital de estado, sendo a 7ª capital mais populosa e a 7ª capital mais rica do Nordeste[11].

Foto aérea da cidade — Teresina (PI)

Teresina é a terceira capital com melhor qualidade de vida do Norte-Nordeste segundo o Índice FIRJAN de Desenvolvimento Municipal,[12] e segundo o IPEA é a terceira capital mais segura do Brasil (perdendo apenas para Natal/RN e Palmas/TO)[13].

A cidade tem um IDH alto (Índice de Desenvolvimento Humano), porém, ainda é a oitava colocada entre as capitais do Nordeste, ficando à frente apenas de Maceió.

Teresina também é a terceira cidade onde mais acontecem sequências de descargas elétricas no mundo.[14] Por esta razão, a região recebe a curiosa denominação de “Chapada do Corisco”.

Visão da cidade, de dentro do Mirante Ponte Estaiada — Teresina (PI)

Seu lema é a frase “Omnia in Charitate”, que significa, em português, “Tudo pela caridade”.

A cidade é a terra natal de Torquato Neto, poeta do Tropicalismo, e de Carlos Castelo Branco, colunista político do Jornal do Brasil.

Historicamente, Teresina desenvolveu-se por meio do Rio Parnaíba, através da navegação fluvial.

Teresina é conhecida por Cidade Verde, codinome dado pelo escritor maranhense Coelho Neto, em virtude de ter ruas e avenidas entremeadas de árvores.

Rio Poty — Teresina (PI)

É um município em fase de crescimento galopante e, atualmente, possui uma área de 1.673 km² e uma população de quase 900 mil habitantes.

É uma das mais prósperas cidades brasileiras, destacando-se atualmente no setor de prestação de serviços, comércio intenso, rede de ensino avançada, eventos culturais e esportivos, congressos, indústria têxtil, com uma justiça trabalhista célere, e um grande complexo e moderno centro médico que atrai pacientes de vários Estados.

Clima

Teresina possui clima tropical semiúmido com duas estações características: o período das chuvas (que ocorrem no verão e outono) e o período seco (que ocorre no inverno e primavera).

Igreja São Benedito vista dos jardins do Palácio de Karnak — Teresina (PI)

De janeiro a maio, devido às chuvas, o clima é quente e úmido (porém, há possibilidade de ocorrer neblina nas manhãs); de junho a agosto o clima começa a ficar mais seco com noites relativamente frias; de setembro a dezembro o clima se torna mais quente e abafado, podendo começar a ocorrer algumas pancadas de chuva a partir de novembro.

Turismo

Teresina é servida por espaços para o desenvolvimento de eventos educativos e culturais, locais para realizações de feiras, práticas desportivas, exposição, dentre outros, 26 auditórios.

Os auditórios oferecem condições satisfatórias de conforto e comodidade. A rede hoteleira de Teresina e constituída por 22 unidades, totalizando 575 apartamentos e 1.129 leitos.

Os principais pontos turísticos são:

  • Central de Artesanato Mestre Dezinho – A Central de Artesanato Mestre Dezinho, em Teresina, é uma verdadeira feira de arte da cultura piauiense. Localizada na Praça Pedro II, ela consiste num complexo de 25 lojas que comercializam o melhor da produção artesanal e artística do Estado, além de abrigar a Escola de Música de Teresina e a Escola de Balé. A escolha do nome, Mestre Dezinho, é uma homenagem a um dos maiores artesões que o Piauí já teve, com um trabalho consistente e reconhecido nacionalmente. Na Central de Artesanato podemos encontrar uma variedade de produtos genuinamente piauienses, tanto na arte, moda , como também da culinária local. Esculturas e santos feitos de madeira, produtos em cerâmica, couro, fibras, palha, pinturas, doces, cajuína, cachaças, roupas. Quem quiser conhecer um pouco da cultura do Piauí, pode começar visitando a Central de Artesanato e se maravilhar com os sabores e a sensibilidade de suas obras artísticas;
  • Museu do Piauí – Fundado em 1934, como uma seção do Arquivo Público do Estado do Piauí, sob a orientação do professor Anísio Brito. No ano de 1980 foi restaurado e tornou-se o Museu do Piauí, organizado em convênio com a Fundação Joaquim Nabuco de Recife. Está sediado no antigo casarão do Comendador Jacob Manoel Almendra, local que também já sediou o governo estadual. Existem quinze salas para visitação com exposições permanentes que contam a história do Estado através de aproximadamente 2 mil peças;
  • Museu Municipal de Arte Sacra Dom Paulo Libório – Criado em 2011,o acervo é composto, aproximadamente, de duas mil peças dos séculos XVIII, XIX e XX, contém imaginária sacra, alfaias, paramentos e mobiliário, tendo surgido da junção de alguns pertences da Arquidiocese de Teresina, da compra efetuada pela Prefeitura e de empréstimos de colecionadores da comunidade. A nomeação do museu como Dom Paulo Libório é uma homenagem ao primeiro bispo natural do Piauí que serviu em Teresina, e a casa transformada em museu, foi sua última moradia;
  • Museu dos Rios – Localizado no Parque do Encontro dos Rios, o museu foi criado para mostrar aos visitantes um pouco da fauna e da flora dos rios Poti e Parnaíba;
  • Biblioteca Estadual do Piauí – Localizada na Praça do Fripisa no palacete da antiga faculdade de Direito do Piauí; denominada Biblioteca Estadual do Piauí Prof. Cromwell de Carvalho[33].

Palácio do Karnak — Teresina (PI)

  • Igreja de Nossa Senhora do Amparo (Teresina) – É o templo católico mais antigo de Teresina (1850 – 1852). Sua arquitetura é eclética com imensas torres em estilo neogótico. A imagem de Nossa Senhora do Amparo que existe em seu interior veio de Portugal em 1850.
  • Catedral de Nossa Senhora das Dores – Localizada na Praça Conselheiro Antônio Saraiva, no centro de Teresina, a Catedral Nossa Senhora das Dores foi fundada em 1867, passando por várias reformas até então. Foi uma capela construída pelo Vigário Manoel Mamede e ampliada pelo Bispo Dom Severino;
  • Igreja São Benedito – É a terceira igreja mais antiga de Teresina. Foi inspirada nas igrejas da região da Catânia na Itália, e construída por mão de obra escrava, levando doze anos para ficar pronta (1874 – 1886). Suas portas foram tombadas pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN). Todos os anos, grupos de cultura negra e umbandistas, lavam suas escadarias com ervas, flores e água de cheiro. É uma das principais da capital, está localizada no coração da cidade;
  • Praça da Bandeira – Grande área verde no centro da cidade, onde se encontram o Museu do Piauí, o Mercado Velho de Teresina, o Palácio da Cidade e a Igreja Matriz;
  • Pólo Cerâmico de Teresina – Área onde são confeccionadas peças de argila de singular beleza e que exporta, inclusive, para outros países;
  • Praça Pedro II – Área verde que conserva o charme do passado e onde se localizam a Central de Artesanato, o Teatro Quatro de Setembro e o Clube dos Diários;
  • Praça Saraiva – A Praça Saraiva pode ser classificada como uma área de lazer, de caráter contemplativo;
  • Balneário da Curva do São Paulo – Localizado no bairro São Paulo, zona sudeste da capital, é uma estrutura construída nas margens do rio Poti, em um total de 32 hectares e 19 mil metros de área construída. É um espaço composto por 46 bares, estacionamento para 130 carros, 2 baterias de banheiros com 24 sanitários e espaço para salva- vidas, tudo sendo feito para promover lazer ao teresinense e desenvolver o turismo da cidade. Através da Curva do São Paulo são gerados 500 empregos diretos e 1500 empregos indiretos;

Palácio do Colégio Sagrado Coração de Jesus — Teresina (PI)

  • Ponte Metálica João Luis Ferreira – Antiga ponte que liga Teresina a São Luís do Maranhão por via férrea. Construída em 1939, foi projetada pelo engenheiro alemão Germano Frank, tornando-se o símbolo máximo de Teresina, sendo o mais divulgado cartão postal da cidade. No dia 11 de setembro de 2008, o IPHAN declarou a ponte como Patrimônio Cultural Brasileiro;
  • Ponte Estaiada João Isidoro França – A Ponte Estaiada de Teresina é a mais nova atração turística da Capital Piauiense. Construída sobre o Rio Poti, com 363 metros de extensão, seis pistas de rolamento e duas ciclovias, liga a Zona Norte da cidade à Zona Leste. Com torre única e estais assimétricos em harpa, a ponte possui a singular característica de abrigar em seu topo um mirante a 95 metros de altura com capacidade para até 100 pessoas, acessível através de dois elevadores panorâmicos. Está entre as cem maiores pontes estaiadas do mundo e é uma das poucas a possuir mirante em sua estrutura.
  • Parque Potycabana – Imenso complexo de lazer com bastante áreas verdes, localizado as margens do Rio Poti na área nobre de Teresina. A Potycabana conta com oito quadras para esportes como futebol society, vôlei de praia, tênis, badminton, pista de skate, pista de ciclismo e de cooper, lanchonetes, palco para shows e pontos de internet gratuita (wi-fi).

Educação

Ver também: Instituições de ensino superior de Teresina

Os centros de educação de Teresina destacam-se principalmente nos níveis médio e superior, atraindo pessoas de outros estados e principalmente do interior do Piauí.

Biblioteca Municipal Abdias Neves — Teresina (PI)

Dentre os maiores centros, podem- se citar:

  • Universidade Federal do Piauí (UFPI) – É a principal instituição de ensino superior de Teresina, possuindo o maior número de cursos de graduação e de pós-graduação, entre eles o de Direito (criado em 1931) e Medicina, que estão entre os melhores do Nordeste. Em Teresina está em dois campi: um no bairro Ininga (principal) e outro no Socopo (apenas CCA), além de contar com um prédio ao lado do Hospital Getúlio Vargas do curso de medicina. Conta ainda com a maior biblioteca do Estado, um hospital veterinário e um hospital comunitário(HU).
  • Universidade Estadual do Piauí (UESPI) – Também é um importante centro de educação superior com sede na capital do estado, mas que tem centros espalhados por todas as regiões do Piauí. Na capital se divide em 2 campi, um do Dirceu e outro no bairro Pirajá. Importante centro formador de juristas e advogados.
  • Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí (IF-PI) – Oferece para a comunidade piauiense cursos de níveis técnico, superior e pós-graduação, em diversas áreas do conhecimento além de minicursos de corte e costura, educação sexual, constantes variáveis e vetores curvilíneos. Além disso oferece cursos técnicos integrados ao ensino fundamental, de diversas áreas de atuação, dentre elas há eletrotécnica, eletrônica, Mecânica, Administração, Informática, vestuário, edificações entre outros.
  • Instituto de Educação Antonino Freire – Criado em 30 de março de 1910 como Escola Normal do Piauí, em 1974 é oficializada com denominação atual. Forma profissionais do magistério em educação básica.[34]

Além disso, a cidade possuí escolas privadas de grande renome nacional, como o Instituto Dom Barreto, o Colégio Lerote, o Instituto Educacional São José e o Colégio Sagardo Coração de Jesus (vulgarmente conhecido como Colégio das Irmãs)

Foto aérea do Mirante Ponte Estaiada — Teresina (PI)

Transportes

 

Ônibus

Teresina possui várias empresas de transporte coletivo que atuam na ligação das quatro zonas da capital:

Norte, Sul, Leste e Sudeste para o Centro, e da cidade de Timon ao centro de Teresina, além das linhas circulares e diametrais que ligam a cidade de uma ponta a outra, sem ir diretamente ao centro.

Essas empresas fazem parte do Sistema Integrado de Transporte de Teresina (SITT), que utiliza a integração temporal por meio de cartão magnético.

Metrô

Ver artigo principal: Metrô de Teresina

O Metrô de Teresina foi criado no dia 15 de agosto de 1989, com o objetivo de implantar um transporte de alta capacidade para o aglomerado urbano da Grande Teresina. Os trens são novos e cada um tem capacidade para transportar 800 pessoas, além de uma central de ar-condicionado para cada composição.

Estação de Metrô — Teresina (PI)

O Metrô de Teresina possui hoje nove estações. Há planos de se ampliar a extensão do metrô para atender um número cada vez maior de pessoas. O metrô de superfície liga o bairro Dirceu Arcoverde ao Centro passando pelo bairro Ilhotas.

Aeroporto

 

O Aeroporto de Teresina foi inaugurado em 30 de setembro de 1967.

A pista 02/20 de pousos e decolagens foi construída na década de 60, com 1.800 m x 45 m, ampliada em 1978 para 2.200 m x 45 m.

Aeroporto — Teresina (PI)

Em 1983 o pátio foi ampliado e reforçado para atender grandes aeronaves dos tipos Airbus A300 e Boeing 767.

As principais companhias aéreas do país operam em Teresina, como a TAM, GOL e AZUL.

O Aeroporto passou por pequenas reformas em 1999, como: climatização, reordenação da área comercial, ampliação da área de check-in, e entre os anos 2000/2001 a pista passou por um processo completo de recapeamento, além da construção de uma moderna Torre de controle.

Com uma movimentação de mais de 1 milhão de passageiros no ano de 2011 e um fluxo que cresce a cada dia, a Infraero autorizou a implantação de dois Módulos Operacionais anexos ao terminal de passageiros do Aeroporto de Teresina. Os módulos entraram em operação assistida no dia 27 de junho 2012 e foram oficialmente inaugurados em 9 de julho de 2012.

Rodovias

A cidade é entrecortada por três rodovias:

Theatro 4 de setembro — Teresina (PI)

Cultura

 

Eventos

Teresina destaca-se por sediar inúmeros eventos culturais que valorizam os costumes da população.

Entre eles, podem-se citar:

  • Carnaval – Há desfile de escolas de Samba realizado na Avenida Marechal Castelo Branco e antigos blocos de foliões como o Capote da Madrugada, Sanatório Geral e Vaca Atolada, que ganharam força e arrastaram multidões em 2013.
  • Corso de Teresina – Maior prévia carnavalesca do Brasil, também conhecida como Corso de Zé Pereira, que entrou para o Guinness Book como o maior corso do Brasil e do mundo[37];
  • Artista Carismático – Um concurso virtual realizado a partir de 2015 pelo site Folder da Cultura para eleger, pelo voto popular, o artista mais carismático para o público.
  • Cultura Negra Estaiada na Ponte – Evento que faz parte das comemorações do aniversário de Teresina, e que tem o objetivo de promover a cultura negra e lutar pela igualdade racial e contra a intolerância religiosa. O evento conta com apoio de grupos de cultura negra e terreiros de Umbanda do Piauí e Maranhão. A primeira edição ocorreu em agosto de 2013 e teve a participação do famoso Pai-de-Santo Bita do Barão;
  • Seminário de Iniciação Científica da Universidade Federal do Piauí – Maior evento acadêmico de pesquisa científica do estado;
  • Teresina Fashion – As tendências da estação, feitas por grifes e produções do Piauí, mostradas em um grande desfile, como um show. São 3 palcos para desfile, área para imprensa, praça de alimentação e apresentação cultural, a cada ano com um tema central diferente. As lojas também expõem para clientes e negócios são fechados. Realizado a partir de 2009 no Piauí Center Moda;

Canteiro central da avenida Frei Serafim — Teresina (PI)

  • Forró Fest Teresina – 10 bandas de forró realizam, no Atlantic City, 2 noites de shows;
  • Piauí Fest Music – Conhecido por ser a mistura de ritmos, é realizado em outubro, contando com dois dias de atrações nacionais de variados estilos, uma micareta indoor (sem trio elétrico), na Arena Show;
  • Encontro Nacional de Folguedos do Piauí – Realizado em junho, na Cidade Detran, celebrando as festas de São João do Nordeste. Reúne atrações de diversas partes do Brasil contando com shows, comidas típicas e apresentação de quadrilhas juninas;
  • Salão do Livro do Piauí (Salipi) – Sempre homenageando um literato piauiense e outro brasileiro, o festival ocorre no No Campus da Universidade Federal do Piauí (UFPI) No Espaço Rosa Dos Ventos em junho. Conta com palestras, exposições e feiras. Vários intelectuais participam do evento, como advogados, professores e escritores.;
  • Piauí Art – Artesões do estado se reúnem em uma feira de negócios e expõem suas obras em uma semana de evento na Potycabana;

Dia da Caridade • 19 de Julho

“Todos os deveres do homem se resumem nesta máxima: Fora da caridade não há salvação.” — Allan Kardec • “Fora da caridade, ou seja, fora do amor não há salvação. A caridade é o processo de somar alegrias, diminuir males, multiplicar esperanças e dividir a felicidade.” — Chico Xavier • “Nunca há excesso na caridade.” — Francis Bacon

Bauru • Aniversário • 1 de Agosto de 1896 • Cidade Sem Limites

APELIDO • SLOGAN • LEMA ☺ Bauru no início de sua existência, era conhecida como a ‘Capital da Terra Branca’. No século XX, Bauru se torna um dos principais polos econômicos do Oeste Paulista e inspirado na poesia de Euzébio Guerra, o prefeito Nicolinha, na década de 1950, adota o lema ‘Cidade Sem Limites’

Três Corações (MG) • Aniversário • 23 de Setembro de 1884

Município brasileiro do estado de Minas Gerais. Com 78.999 habitantes e cerca de 828 km², é um dos principais centros urbanos do sul do estado. Situa-se a cerca de 287 km de distância da capital estadual, Belo Horizonte. É a terra natal do Pelé. Seu IDH é de 0,744 — alto. Destaque para a Universidade Vale do Rio Verde (UninCor)

São Gonçalo (RJ) • Aniversário • 22 de Setembro de 1890

Município da Região Metropolitana do Rio de Janeiro, no estado do RJ, Brasil. Sua população é de 1.098.357 habitantes (2021). Seu IDH é de 0,739 — alto. É o 16º município mais populoso do país e a 3ª maior cidade não capital do Brasil. Sua temperatura média é de 28ºC. Destaque para o campus da Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Petrolina (PE) • Aniversário • 21 de Setembro de 1895

Município brasileiro do interior do estado de Pernambuco, região nordeste do país. Sua população era de 359.372 habitantes em 2020. Seu IDH é de 0,702 — alto. A cidade tem uma temperatura média anual de 35,8 °C, tendo a caatinga como sua vegetação nativa e predominante. O território começou sua história com os frades franciscanos

Itapeva (SP) • Aniversário • 20 de Setembro de 1769

Município brasileiro do sudoeste paulista. Sua população era de 94.354 habitantes em 2020. Seu IDH é de 0,732 — alto. A cidade é um entreposto comercial e de escoamento da produção agrícola de todo o extremo sul de São Paulo, além de ser a maior cidade desta região. Está entre as 100 melhores cidades brasileiras com até 100 mil pessoas

Guarapari (ES) • Aniversário • 19 de Setembro de 1891

Município brasileiro do estado do Espírito Santo. Sua população é de 122.982 hab (2018). Cidade praiana com clima tropical atlântico e temperaturas agradáveis. Sua distância da capital Vitória, é de 51 Km. Seu IDH é de 0,731 — alto. Dentre todos os atrativos turísticos de Guarapari, a culinária capixaba é um dos destaques

PAUL SAMPAIO CHEDIAK ALVES é professor, locutor, apresentador de rádio e TV, web designer e o criador da REDE SAMPAIO de Sites.

0 comentário em “Teresina (PI) • Aniversário • 16 de Agosto de 1852

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: