12 - DEZEMBRO BLOG DIA HOJE MESES

23 de Dezembro • Dia Hoje • Edição 2021

Dia do Vizinho ♥ Aniversário de Serginho Chulapa • Gregório de Matos • Jean-François Champollion • Frederic Forrest • Chet Baker • Dave Murray • Michele Alboreto • Eddie Vedder • Cláudia Raia • Carla Bruni • César Tralli • Giba • Estella Warren ♦ ÓBITOS • Oscar Peterson • Maestro Zezinho

DESTAQUES DO DIA

♥ NASCIMENTOS • Serginho Chulapa • Gregório de Matos • Jean-François Champollion • Frederic Forrest • Chet Baker • Dave Murray • Michele Alboreto • Eddie Vedder • Cláudia Raia • Carla Bruni • César Tralli • Giba • Estella Warren ♦ ÓBITOS • Oscar Peterson • Maestro Zezinho

• Dia do Vizinho

FONTES

WIKIWANDIBGECALENDARR

CIDADES ANIVERSIANTES

• Cambará do Sul (RS)
• Canelinha (SC)
• Ipanguaçu (RN)
• Jardim de Piranhas (RN)
• Lagoinha (SP)
• Palmeiras (BA)
• Pedro Avelino (RN)
• Pedro Canário (ES)
• Sairé (PE)
• Salgueiro (PE)
• Santa Cruz de Salinas (MG)
• São João do Sabugi (RN)
• São José do Campestre (RN)
• São Rafael (RN)

 

Datas, fatos e os nascimentos mais importantes no Brasil e no Mundo, em todos os dias do ano, ilustrado com fotos e curiosidades.

FONTE ► WIKIPÉDIA

NASCIMENTOS

23-de-dezembro-giba-jogador-de-volei-brasileiro

1976Giba, Gilberto Amauri Godoy Filho, conhecido como Giba (Londrina, 23 de dezembro de 1976), é um ex-voleibolista indoor brasileiro. Atuava na posição de atacante de ponta e conquistou os principais títulos pela Seleção Brasileira, desde as categorias de base à principal, sendo oito vezes medalha de ouro na Liga Mundial, tricampeão mundial e ouro olímpico em 2004 e prata em 2008 e 2012.


1953Serginho ChulapaSérgio Bernardino, mais conhecido como Serginho Chulapa ou simplesmente Serginho (São Paulo, 23 de dezembro de 1953), é um treinador e ex-futebolista brasileiro, que atuava como atacante. É o maior artilheiro do São Paulo com 242 gols.

Carreira

 

Início

Aos doze anos, Serginho começou a jogar em times de várzea da zona norte de São Paulo, como o Cruz da Esperança e o Vasco da Gama.[1] “Se não tivesse ido para o esporte, certamente estaria na criminalidade”, avaliava o ex-jogador em 2008, em referência ao projeto social desses times.[1]

Depois de ser dispensado dos juvenis da Portuguesa, em 1968,[2] chegou a trabalhar como entregador de leite e ajudando sua mãe colocando etiquetas em cortinas e camisas. Serginho participou, em 1970, de uma peneira na Casa Verde. Sua atuação encantou o técnico dos juvenis do São Paulo,[2] que o chamou para jogar em seu time.

Seleção

Era nome certo para a Copa de 1978,[5] porém acabou perdendo a chance de jogar quando teve que cumprir um ano de suspensão por agredir um bandeirinha. Em 1982, foi convocado para a reserva e acabou se tornando titular na Copa, quando Careca se machucou antes da estreia.

São Paulo

Sua estreia no elenco profissional do São Paulo foi promovida pelo técnico Telê Santana, em um amistoso contra o Bahia, em 6 de junho de 1973. Quatro dias depois, marcou seu primeiro gol como profissional, no empate por 1 a 1 contra o Corinthians. Naquele mesmo ano, foi emprestado ao Marília, voltando ao São Paulo em 1974.[3]

Pelo São Paulo, jogou, entre 1973 e 1982, um total de 399 partidas e marcou 242 gols,[4] tornando-se até hoje o maior artilheiro da história do clube. Nesse período, conquistou os Campeonatos Paulistas de 1975, 1980 e 1981 e o Campeonato Brasileiro de 1977.

Santos

No Santos, chegou já experiente, com 29 anos, e por isso mesmo evitou o rótulo de “salvador da pátria”.[6] O atleta se identificou com o clube ao longo de quatro passagens. A partir de 1983, conquistou a artilharia do Campeonato Brasileiro e a artilharia e o gol do título no Campeonato Paulista de 1984 contra o seu maior rival, o Corinthians, por 1 a 0. Ao todo, incluindo outras passagens (1983–1984, 1986, 1988 e 1989–1990), marcou 104 gols com a camisa do Santos e, junto com o ponta-esquerda João Paulo e o atacante Neymar, é um dos principais goleadores da equipe após a “Era Pelé”.

Corinthians

Vendido ao Corinthians, Serginho chegou junto com outros jogadores consagrados, no início de 1985, e o time ganhou o apelido de “Seleção Corintiana”.[7] Mas a experiência não deu certo, e em outubro o atacante já falava que gostaria de voltar ao Santos e que já estava “em ritmo de férias”.[8] Isso fez com que o Corinthians buscasse uma maneira de rescindir o contrato com o jogador antes do fim, previsto para janeiro de 1986.[8] Quando voltou à Vila Belmiro, Serginho deu uma declaração jocosa: “Estou de volta, depois de um ano de férias no Corinthians.”[7]

Artilharias

Outros clubes

Posteriormente, jogou no Marítimo Funchal (Portugal), no Malatyaspor (Turquia), no Atlético Sorocaba,[9] na Portuguesa Santista e no São Caetano, encerrando a carreira em 1993.

Carreira como treinador e auxiliar

No Peixe, já foi auxiliar técnico, técnico e técnico interino no clube, com bons resultados. Todavia, nervoso por uma derrota agrediu um repórter no vestiário, o que praticamente acabou com suas chances de dirigir outros clubes de ponta. Ficou afastado do clube no período em que Emerson Leão foi o treinador (2002-2004), mas retornou após a sua saída, deixando novamente o clube quando o técnico voltou ao clube, em 2008.

Assumiu então o comando da Portuguesa Santista, tendo estreado em 2 de março, na vitória sobre o Taquaritinga por 3 a 2.[18] Com a saída de Leão, voltou a ser auxiliar técnico e técnico interino em 2009, no Santos. Treinou ainda outros clubes do futebol paulista, como São Caetano e Sãocarlense.[19]

Serginho Chulapa


EVENTOS HISTÓRICOS

 

FALECIMENTOS

FERIADOS e EVENTOS CÍCLICOS

▒ TRAGÉDIAS da HUMANIDADE

Dia da Caridade • 19 de Julho

“Todos os deveres do homem se resumem nesta máxima: Fora da caridade não há salvação.” — Allan Kardec • “Fora da caridade, ou seja, fora do amor não há salvação. A caridade é o processo de somar alegrias, diminuir males, multiplicar esperanças e dividir a felicidade.” — Chico Xavier • “Nunca há excesso na caridade.” — Francis Bacon

Dia Nacional de Combate à Discriminação Racial • 71 Anos

A data celebra a aprovação da primeira lei brasileira contra o preconceito racial. A Lei 1.390, de 1951, ficou conhecida como Lei Afonso Arinos, por causa do jurista e político mineiro, autor da proposta. É a primeira lei contra o racismo no Brasil, que estabelecia como contravenção penal, a prática de preconceito por raça ou cor.

23 de Dezembro – Acontecimentos do Dia

☺ DESTAQUES DE HOJE ▒ NASCIMENTOS • Gregório de Matos • Chet Baker • Serginho Chulapa • Eddie Vedder • Cláudia Raia • Carla Bruni, César Tralli • Giba ▒ FALECIMENTOS • Oscar Peterson • Maestro Zezinho

19 de Julho • Dia Hoje • Edição 2022

Dia da Caridade ♦ CIDADE • Cristópolis (BA) 60 Anos ♥ Aniversário de Brian May 75 Anos • Benedict Cumberbatch • Jared Padalecki • Gislaine Ferreira • Marisol Ribeiro • Edgar Degas • Percy Spencer • Herbert Marcuse • Ricardo Corte Real • Anthony Edwards ♣ ÓBITOS • Clementina de Jesus • Dercy Gonçalves • Rubem Alves • James Garner

0 comentário em “23 de Dezembro • Dia Hoje • Edição 2021

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: